terça-feira, 2 de agosto de 2011

Igreja do Céu x Igreja da terra.

Dois tipos de Igrejas tem crescido de forma diferenciada, a Igreja do Céu e a Igreja da Terra são dois tipos de Igrejas bem distintas uma da outra, a Igreja do Céu tem por princípio anunciar a eternidade, a salvação, a morada celestial e todos os acontecimentos que aguardam os escolhidos em uma outra dimensão.

A Igreja da Terra tem por principio anunciar as coisas e questões terrenas, como o materialismo e sucesso pessoal, e conquistas terrenas.
Uma prega o invisível a outra o palpável. Uma ensina sobre a Volta de Cristo a outra sobre a volta dos recursos. Uma prega contra pecado a outra prega contra a pobreza, Uma ensina a andarmos no caminho a outra nos mostra várias oportunidades.
Difícil é para os que ainda não decidiram por Jesus, escolher uma delas. Seria uma escolha injusta? O visível ou o invisível? A terra que vivo ou um lugar que morarei? Jesus disse que não somos desta terra, somos peregrinos por aqui, a Igreja esta aqui somente para uma missão, anunciar um Reino que não é desta terra, a Igreja não está aqui na para anunciar os reinos da terra, alguns investem todos seus recursos em busca de felicidade no reino terreno, sendo que bastaria investir todo o coração no Reino de Deus, para não somente receber nesta terra, mas também nos pós vir o Reino celestial (Marcos 10. 28 a 30).
Às vezes me pego a pensar se meu alvo é ser bem sucedido é necessário estudar, ter um bom trabalho, me esforçar, mas louvo a Deus que meu alvo não é nesta terra e sim na terra que sou cidadão dela, a terra celestial que Jesus foi preparar para mim, o mais incrível e o número de pessoas que vão as Igrejas exclusivamente para ouvir coisas desta terra. E se esquece que um dia esta terra passará, e ai? Serão crentes sem terra? João 14 Jesus disse: Eu voltarei e buscarei vocês para estar sempre comigo, Aleluias, e muitos preferem ainda focar esta terra e seus deleites.
Jesus com certeza irá nos recompensar quando nosso coração estiver N’Ele, primeiro o Reino de Deus e as demais coisas, vos serão acrescentadas.


Eduardo Santos, pastor

Um comentário:

freelives disse...

Maravilhosos texto! Isso verdadeiramente é a expressão de nossas igreja atuais! Eu sou da igreja do céu, apostólica, em nome de Jesus! Amém!